O Método Yoga Dos Bichos

[por] JOÃO GUIMARÃES

Dizem que ao observar os movimentos dos animais, os primeiros Yogis humanos que habitaram nosso planeta criaram uma série prática de posições e deram a elas o nome de cada bicho. Surgia, dessa forma, o alongamento do cachorro, o andar do crocodilo, a respiração do gato ou do tigre, o girar do elefante, a posição do camelo e assim por diante.

 

Essas posições e movimentos foram elaborados para ajudar a espécie humana a manter seu corpo flexível e forte, evitando doenças e dores e, sobretudo, para possibilitar que ficássemos mais tempo sentados, tranquilos e meditando, nos unindo ao universo por meio da mente e do espírito.

 

Assim nasceu o Yoga, há milênios, na Índia. Mas, vale destacar que outras culturas ancestrais desde os monges shaolins, na China, até a civilização Maya, na América Central, também utilizaram posições e sequências de movimentos com nomes de bichos.

 

Inspirado nesses ensinamentos, o projeto Yoga dos Bichos começou, em 2004, pela admiração da beleza e sabedoria dos animais. Para dar origem aos nossos primeiros desenhos, partimos do repertório de bichos já existentes no Hatha Yoga Tradicional e, pelo jeito, essa coleção não vai parar de crescer, a cada dia descobrimos um animal mais deslumbrante.